quarta-feira, abril 29, 2015

2ª Corrida da Integração - Parque de Pituaçu

No dia 26 de abril, abrindo a I etapa do Circuito de Corridas de Rua da Bahia,  aconteceu a corrida da Integração no Parque de Pituaçu. Esta promovida pela Federação Bahiana de Atletismo. Tendo em vista que tenho buscado melhorar meus tempos, estou me fazendo mais presente em corridas promovidas por esta. Visto além de tratar-se de percursos diferenciados, ter pessoas mais bem preparadas. O que me força melhorar cada vez mais. Não vou mentir, mas não tem sido fácil. Ainda mais quando se tem de conciliar milhões de coisas ao mesmo tempo. Mas contemos só a parte boa... antes que desmotive, quem esta querendo ir para o mesmo lado.

Estava presente tanto eu, quanto minha equipe de treino e treinador.

Dias antes desta prova e no dia choveu bastante, sendo assim a trilha do parque estava em péssimas condições ou ótimas para quem gosta de aventura. Eu AMO. Mas neste dia nem estava atrás de tanta aventura assim... rs! 
Com as condições que andam a nossa querida orla de Salvador, na segunda-feira antecedente a prova, virei o pé na orla. Fiquei alguns dias sem correr e sem malhar; Mesmo assim fui, já que após várias sessões de gelo, senti que estava melhor. E de fato estava. (No meio da corrida que fui ver que faltou força rs!!! vai neguinha!).

Me sentia bem e fui bem tranquila para a corrida 
Larguei a prova com meu amigo Henrique da Hora... mas não sei por que me empolguei e sai completamente fora a minha velocidade inicial. Como diz meu amor, após ver meu garmin, você largou ao contrário? Largaram a prova ao inverso e você se confundiu? Só pode...Eu havia feito a prova completamente diferente do que costumo fazer. 

Sai forte e quebrei no meio da corrida, concluindo um pouco cansada e andando algumas vezes. Fiz meu melhor tempo nos 15km, mas podia ter feito melhor, caso não tivesse feito o que fiz e o parque estivesse em melhores condições.

Pela primeira vez, me senti frustrada numa corrida. Engraçado, pois nunca tive esta sensação antes. Quem me conhece, sabe que sempre estive pouco me lixando com tempos que fazia. Mas acredito que por estar treinando direitinho, isso acaba influenciando. Não fico encucada, nem crio paranoias na cabeça por que não fiz bem. Mas como diz um amigo: serve de aprendizado. 

Espero que sim, e que seja crucial no meu sub 2h da meia maratona. Esta corrida também veio me ensinar, como diz o ditado popular: "que o buraco é mais embaixo". Mas que devo me preparar psicologicamente caso não venha a quebrar o meu tempo. É preciso preparo psicológico e não só físico. Tenho tentado conciliar isso.

Conclui em 4 lugar da minha faixa etária - os 15km em 1:22:16


Nenhum comentário: