quinta-feira, julho 11, 2013

Meia Maratona da Cidade do Rio de Janeiro 2013 / Parte I (Viagem, chegada e véspera)


Dia 10 de janeiro de 2013, lá estava eu antecipando e mais uma vez confirmando minha inscrição na Meia Maratona do Rio de Janeiro. Como havia passado por um sufoco com o esgotamento das inscrições, em 2012 (quando tive de ficar na lista de espera), este ano me antecipei e não dei brecha ao azar. Nada de chorar no pé do caboclo, este era o lema.

A promessa de voltar a correr neste evento havia sido feita ainda em 2012, quando eu estava no 13km da corrida e me desabava em lágrimas de emoção. Encantada com a organização MIL, com a estrutura do evento e com é claro a cidade maravilhosa. Eu prometia – Ano que vem virei e farei melhor!!!! serei sub o tempo de hoje - que foi de 2h 05 

Claro que eu não tinha a mínima noção do sufoco pelo qual estaria e teria de passar em 2013. A começar pela faculdade, estar cursando 7 disciplinas nada fáceis – o que me deixava muito cansada para os treinos.

Para a meia deste ano só consegui fazer um longão (ainda assim de forma errada). Com a greve dos professores, nosso semestre esta completamente fora de época e eu também não contava com a sorte de, na véspera da meia maratona ter uma prova de Direito penal. Como muitos sabem eu sempre me matriculo em disciplinas, deixando tempo e dias específicos para treinos. No entanto uma professora, embora sua aula não seja no sábado, costuma fazer prova neste dia. Sorte minha ela ter sido compreensiva e me permitido fazer a segunda chamada. Upsss, um dos obstáculos ultrapassados e na qual agradeço e muito sua compreensão.



Mas, chegado o dia do embarque para o Rio (sexta-feira – 05/07/2013) quem diria que pela primeira vez eu seria tachada de atrasada??? Quem bem me conhece sabe que não sou de me atrasar. Chego muito tempo antes, mas não me atraso. Pois bem!! A funcionária da empresa na qual eu viajaria se recusou a fazer meu check in alegando que eu não estava dentro do horário, mesmo sem ter nada a despachar e estar com 30 minutos de antecedência para o voo, o que é solicitado pela ANAC. Nem ao menos tentou. Chateações a parte, tive de arcar com um prejuízo que não contava e sabia que não estava errada. Sendo assim dei entrada com queixa.

Se era para eu estar na cidade maravilhosa às 8:45, onde já me esperavam no aeroporto, não foi bem o que ocorreu. Chorei, minha urticária não resistiu. Mas com a remarcação paga, às 14:10 eu desembarcava na cidade maravilhosa. 

Por sorte ou ironia do destino reencontrei, no mesmo voo, uma corredora da Assessoria Triação - Carol Guedes; Que por sinal havia voado comigo no retorno da Volta da Pampulha. Sorte ou destino, pude dividir o mesmo táxi e acompanhar a mesma e a amiga Andreia, até a entrega do kit. O taxista que nos levou era finíssimo, não só nos aguardou na entrega do kit, como levou cada uma de nós em seus locais de estadia. Por sinal no qual contratei no retorno também. Ufffaaa menos uma das dificuldades superadas.

Ericka, eu, Carol Guedes e Andreia ( estas da Triação)


Do outro lado da linha, o Ênio, a Ezilda, Maia e Waldeci (amigos BALEIAS) já me “chamavam” para dá o ar da graça em Copacabana. Nossa esta eu não pude dá conta, e infelizmente perdi a tarde. Eu estava faminta e só precisava chegar ao Hostel que nos hospedariam por estes dias. Era preciso comer para ai sim poder voltar a ser alguém!!!! Já era quase 17h, eu só havia tomado café as 5:00 da manhã e sobrevivia desde aquele horário apenas com barrinhas de cereais, já que o tempo que tive no aeroporto foi para prestar a queixa no Procon, Anac etc e tal, por não terem feito o check in.

Resolvido o problema do almoço, ai sim me direcionei ao Boteco Belmonte, no Aterro do Flamengo, onde lá já se encontravam o Tinil, Gilberto e mais alguns dos BALEIAS. O BALEIAL estava por ancorar sua alegria no Rio de Janeiro!!!!! Que neste caso seguiria até segunda-feira. Havia combinado com o Ênio, a Ezilda, Maia e o Waldeci que para lá também seguiam. E por aí, enviei mensagem para Aparecida para comunicar que o "barraco" já tava armado, Esta também foi ao nosso encontro com o BALEIA Diogenes e outros amigos.


Encontro BALEIAS já sabem né???? Prepara que a festa vai começar!!!! Desta vez não foi diferente. O esquente começava por ali!!!Mas não terminava no Boteco Belmonte.

Tomamos um táxi e fomos cair no forró da Feira de São Cristovão. Ahhh diga “se de passagem” a noite foi muito divertida, ainda mais para mim que perdi o São João (estudando para uma prova).

Eu me diverti muito, nem parecia que aquela noite fazia parte do dia chato que eu havia tido. Nossa me senti representada por aquela feira nordestina. Comemos tapioca, doces, pé de moleque.Pela primeira vez vi Ezilda comendo doce, imagine!! rs!! Fomos embora lá para às 2:30 da manhã. Voltei mega cansadinha não só pelo dia, mas de tanto dançar forró. BOM DEMAIS!!!! Adoro um forró!! todo mundo sabe disso. Eu me acabo.... Cansada, mas feliz.


Imagens por Enio (menos a que ele está)

Como costumo dizer, minhas fotos com Baleias são sempre com olheiras, mas são umas olheiras bem aproveitadas, cara de cansaço que é reflexo dos momentos de alegria que eu não perco ao lado deles. Estar com eles é sempre maravilhoso!!! A gente é demais!!

Fomos dormir lá para as 3:30, já que ainda no hostel, eu e minha turma de quarto ficamos papeando. Desta vez eu compartilhava o quarto junto com o José Maia, Ezilda, Ênio e Waldeci. No entanto no dia seguinte uma visita nova estava por vir, já que sobrara uma cama no quarto. Hóspede bem esquisito, mas bem-humorado. Tadinho teve de nos aturar acordando às 3:50 na madrugada do dia da corrida. Nosso quarto foi uma diversão, “os meninos” como sempre muito atenciosos.

Agradeço aos meus parceiros de quarto pela gentileza dispendida todos estes dias.

Já no no sábado (véspera da Maratona) - pudemos acordar um pouco mais tarde, as 9h já que estávamos a espera do nosso CEO Miguel e toda trupe Belo-horizontina ( Pedro, Elaine, Zilda, Wu, Tâmara)... o encontro na entrega de kits prometia. Lá além de reencontrar o BALEIAL, a Sheyla e demais ainda “de quebra” encontrei outros amigos de Salvador – assessorias (Hammer, Peformance, Família Botelho, Triação, Marathon dentre outros amigos). Muito legal mesmo!!!

Da esquerda para direita - Miguel (CEO BALEIAS), Elaine, Zilda, eu, Wu, Sheyla, Pedro (atrás), Waldeci, Enio, Tamara, Teresa, e embaixo Maia e Ezilda

Da entrega de kit seguimos para um almoço no Boteco Belmonte da Urca, para em seguida fazermos mais uma vez aquele passeio lindo do Morro da Urca ou melhor Pão de Açúcar. Era a primeira vez da Tamara, sendo assim fomos a prestigiar, não que fosse algo difícil hem!!!

Enio (nosso mega fotografo) e a mulherada BALEIA

Coisa linda lá de cima!!! nos renderam muitas belas fotos – eu já não gosto hemm!!!Amoo fotos!


A noite o nosso famoso jantar, de massas, BALEIAS. Infelizmente a Elaine não estava legal (alguma virose) sendo assim o grupo ficou desfocado sem a mesma, sem nosso CEO Miguel, que só chegou no fim, e sem o Pedro (que neste caso estaríamos bebemorando sua passagem no vestibular em medicina).Chatinho a ausência deles, mas outros momentos bons virão. Com certeza farei de tudo para estar na Pampulha. Até se preciso for, trarei Pampulha a Salvador...rs!! Como não sei..... mas farei.


Curtimos um pouco menos a noite de sábado, já que no dia seguinte teríamos de acordar cedo. Voltamos ao hostel e após deixarmos nossos pertences prontos para a corrida, dormimos. Acredito que já era quase meia noite.

Meu amor me ligou é claro para desejar uma boa corrida, já que eu me perco na gandaia com os BALEIAS e “esqueço” de ligar para o mesmo, ou o sinal da TIM não funciona no Rio. Enfim...... dia seguinte......

2 comentários:

Carlos Henrique disse...

Uma pena não participar da farra Baleias. Como fico hospedado na Barra fica difícil encontrar na zona sul. Mas fico me coçando de vontade... Em BH estaremos juntos.
Grande abraço, Carlos Henrique

tutta disse...

Pelo visto você aproveitou bastante os momentos que antecederam a prova né Dart! Mas, com esta Baleiada toda fico impossível não curtir todos estes momentos.


tutta/Baleias-PR
www.correndocorridas.blogspot.com.br