domingo, julho 31, 2011

+ Quebra de recorde pessoal - Na 6º Corrida da Independência da Bahia


Hoje foi realizada em Salvador a tradicional  6º Corrida da Independência da Bahia.,  promovida pela TV Aratu - SBT. 

Como há algum "tempinho", tenho sido mais cautelosa com minhas inscrições nos eventos, deixando as corridas se aproximarem mais para confirmar presença, desta vez tive um pouco de sorte!!

Sendo lançado, na semana retrasada pela comissão de marketing da 6º Corrida da Independência da Bahia, um sorteio de 5 cortesias via Facebook do evento tive a sorte de ser uma das sorteadas juntamente com os corredores Lucas Andrade e Cris (já conhecidos aqui no blog), Murilo Ninck e Bette Fernandes. Claro que fiquei muito feliz! Tendo em vista que a cada dia aumenta o número de corridas em nossa cidade e ficamos sem condições de pagar todas, por isso cortesias sempre são bem vindas.

  Murilo Ninck,  Cris Herbele, eu e  Lucas Andrade (alguns dos sorteados)

Agradeço a TV ARATU pelo sorteio e pela cortesia.


Mas vamos ao relato da corrida...


Ainda ontem, o dia foi de chuva e nublado, e a noite também mais chuva. Daí já sabem né, em dias assim preciso virar a noite fazendo dança do sol, por que senão Lucas (meu namorado) nem vai a corrida (ele odeia correr com sapato molhado). Despedindo-se ontem da minha casa o mesmo disse logo: "se chover não vou para esta corrida"...e lá vai Dart mais uma vez para dança do sol apelar para os astros e  pedir para Pedrinho que fizesse um sol lindo.... E os mesmos mais uma vez me ouviram e atenderam, fazendo em menos de 6 horas aquele dia lindo de sol.

Ou seja a corrida foi  marcada por um lindo sol quente!! Muito calor!!! (não é novidade eu sentir calor né) e o UV muito alto chega sentia o rosto queimando.  E apesar do sol a corrida foi um SUCESSO!!!


 Eu e Lucas


Boa parte do percurso tive a companhia de Reynolds, amigo corredor do Clube das Corridas, com direito até a bate papo. Como não gosto de percurso em círculo pensei que fosse ser difícil correr, mas até que a corrida passou rápido. Na companhia do amigo, que estava sentindo a perna, e se dispersou de mim apenas do 6km foi tranquilo. Daí na companhia de outros corredores que vinham ao meu lado. Sempre num ritmo confortável e num bom tempo dava até para conversar...rs!! Esta semana eu já havia corrido 33km por isso não estava preocupada com tempo, com a corrida seriam mais 10km, fechando a semana em 43km que ...

não foi.... risos!!!

A corrida infelizmente havia sido aferida errada para +, a FBA se desculpou pelo equívoco. Já que o percurso que deveria ser 10k, pelo meu Garmim foi de 10.490km...  

mantive meu recorde pessoal, num pace de 5'53'', sendo assim a corrida de 10.490km conclui em 1h01'48'' o que se de fato tivesse sido os 10k eu teria concluído em 58'50''. Como o que fica registrado é o tempo oficial da corrida, uma prova de 10k, não poderei ainda modificar meu blog de tempo recorde...rs!! Mas fiquei super feliz.... Muito feliz!

 Paulo, Aline (em sua estreia), Lucas, Reynolds e Andre

O evento em si foi ótimo, gostei muito do clima e do preço (para quem pagou) se comparado com o cobrado nas demais corridas. Um evento que não deixou a desejar para corridas que possuem preços exorbitantes....Adorei!! Pude reecontrar amigos da JC CORB e do Clube das corridas, senti falta do Samuca...bem como também tive o prazer de conhecer outros (Cristina Cangussu, Edneuza Souza - que acompanha o blog e Murilo Ninck. Enfim.... DIA DEZ!

 Eu e o Fagner


Andre, eu e Lucas

A TV Aratu esta de parabéns pela corrida. Foi minha primeira participação em corridas desta promotora e com certeza a primeira de muitas que virão.

 A galera boa com as vitoriosas!!!

sábado, julho 30, 2011

Entrevista nº 2 - Vicent Sobrinho

Olá galera, beleza? E os treinos como vão? Espero que estejam de vento em popa!! E para animar mais ainda com histórias de superação, dou  prosseguimento a nossa sessão rapidinhas mensal. 

O convidado do mês de julho, escolhido a dedo, é o Vicent Sobrinho esta "pessoa linda", de bom coração e mais um apaixonado  por corridas. 

Vicent foi mais um destes corredores que tive o prazer de conhecer pela internet, tanto através dos seus escritos no blog da Contra Relógio, como pelo Twittersrun e Facebook . Mas que na meia maratona Golden Four Asics no RJ tive o prazer de conhecê-lo pessoalmente. Nos conhecemos pessoalmente dentro do buzão isso mesmo, corredor também anda de bus!! Estavámos eu, Vicent, Edson Dantas paratleta conversando sobre a corrida, uma maior papo, e para minha sorte foi o Vicent quem me reconheceu.  As vezes as fotos nos deixam diferente, e de fato eu só o reconheci depois que o mesmo disse: sou o Vicent. Você não é Dart? Nossa e eu nem estava com a camisa personalizada virada para ele!! 

E estava alí diante de uma das pessoas que sempre acompanho por escritos e que admiro...risos!! Asssim como o foi com o Jorge Ultra e demais que tive a oportunidade de conhecer no RJ. Fico feliz por tê-lo conhecido pessoalmente e não só ele, como o ilustre Edson Dantas. Muito legal mesmo....

Mas chega de lero lero, sei que vocês querem mesmo é saber o que o Vicent andou respondendo. Pois então vamos:



 
Nome – Vicent Sobrinho
Idade – 45 anos
O que faz? – Jornalista e fotógrafo
Há quanto tempo corre?  - Desde 1979 – iniciei aos 14 anos
Equipe – Todos os corredores são minha equipe
Onde mora – Paraiso -  São Paulo
De onde é – São Paulo


Como surgiu a corrida em sua vida?
A corrida surgiu num convite, no recreio da escola primária. Um amigo tinha um nº 5433 de pano – Tenho ele até hoje. Fiquei curioso, no momento que vi o nº e perguntou se eu queria correr com aquele nº que era enorme – eu era miudinho – acho que pesava no máximo 35 quilos. Topei, e fui no domingo na corrida no Bairro da Moóca - Havia mais de 1000 corredores na largada. Desesperado e ingênuo larguei para ganhar.Corri 100 metros e agarrei o primeiro poste estagnado.Ainda faltavam 7400 metros, fiz correndo e caminhando, não fui o último, mas, quase. Fui premiado com uma medalha muito pequena que está num local especial em minha casa. E foi essa medalhinha que vim mostrando pelo caminho de volta a casa,feliz mostrei-a ao cobrador de ônibus, ao motorista, ao feirante, a todos que encontrei até chegar em casa. Dormi com ela vários dias. Representava para mim a materialização de minha primeira conquista.

Qual a sua maior realização frente a este esporte?
Minha realização, embora eu tenha sido várias vezes vencedor de corridas de rua e pista.No fim de toda essa longa estrada é mesmo estar ainda  nas corridas.Com saúde e competindo com vontade!

 A corrida atrapalha ou influencia sua vida? O que ela muda em você?
 
A corrida é a inércia positiva no meu dia-a-dia. Corro, respiro fundo e oxigeno os pensamentos, escrevo sobre isso e quero contagiar a todos com a felicidade que essa ação nos proporciona.

Quais são seus horários de treinamento e em média quantos quilômetros costuma fazer por dia?
 
Procuro correr sempre pela manhã. Na semana corro de 70 a 90km. + ou – uns 12k diários.
Você faz alongamentos antes da corrida? Ou pratica outra atividade para ajudar na sua perfomance?
 Não faço muito alongamento não! Comecei a correr numa época que o aquecimento bastava. Mas, aconselho todos a fazerem.
     
 No dia anterior a corrida como costuma ficar?
 Depende muito de se estou me sentindo solto ou travado. Pela manhã observo no meu jeito de andar. Se tiver travado faço um treininho de até 6 km. Se estiver bem, descanso e aguardo a largada!

Dentro deste esporte qual foi o fato mais engraçado que já enfrentou?
Foram muitos mesmo. Afinal já participei em mais de 600 provas. Numa certa vez eu estava correndo junto aos atletas da elite, entre os 12 primeiros, e aumentando a velocidade para alcançar o bloco da frente. Era uma meia maratona na cidade de Itapira/SP. Acho quem em 1983, naquele momento eu estava me esforçando no inicio de uma longa subida, na qual observava a frente mais de 500metros, quando estava quase no topo, um turbilhão de corredores voltando correndo no sentido oposto, me assustei e só depois entendi que ele fugiam de um enxame de vespas que estourara adiante. Passaram todos os lideres e os demais que estavam na minha frente, o pior é que os que vinham atrás, um bloco de uns 10 atletas, retornaram antes de mim, e após a mudança de percurso nem peguei medalha, pois cheguei após os 30. E eram 30 as medalhas apenas. Hoje dou risada da situação, mas, na época sofri por não ter medalha para mim. Por outro lado acho que também não fui picado pelas vespas. rss

Quais as dificuldades que você enfrenta? (Pode ser na   vida ou dentro do próprio esporte).                                               

Deus me abençoa, vivo um momento de felicidade e em comunhão com minha esposa e meus parentes e amigos. A saúde me basta! O demais corro “Literalmente” atrás.

Qual foi sua maior prova?
A maior são as de 42k, maratonas, agora a melhor é sempre a última. Sou feliz por ter participado e poder ser exemplo aos amigos e corredores jovens.

Caso tivesse que dar alguma dica para um sedentário que esta começando a correr, o que você falaria?
Parafraseando Raul Seixas diria: “Você tem dois pés... Levante suas mãos sedentas e recomece a andar! Nâo pense que a cabeça agüenta se você parar! Há uma voz que canta .Uma voz que grita. TENTE outra vez!”

Por fim deseja nos dizer mais alguma coisa?
Sim! Desejo que todos saibam: É de batalhas que se vive a vida! E correr nos dá a confiança para isso!


Olha a gente no busão!!! Eu, o Vicent Sobrinho e o Edson Dantas

Bons treinos galera e um ótimo fim de mês!!


PS: De cima para baixo - 1 imagem: Vicent na Golden Four Asics
2 imagem: Aos 17 anos em 1983, ao lado expondo suas premiações
3 imagem: Chegada da corrida da Nike  em 1997

quarta-feira, julho 27, 2011

Espaço para elogios a Nutrilatina!!!

Queridos amigos, como uma boa consumidora, cumpridora dos meus direitos e EXIGENTE, sempre que compro algo e fico insatisfeita por algum motivo ou que encontro algum problema com lote tenho a delicadeza de recorrer a empresa fornecedora, entrando em contato com o serviço do SAC. Acho que todos deveriam fazer isso, pois contribui e muito para a melhoria da prestação do serviço. Desde que você saiba que esta com a razão para questionar algo!

Sendo assim após ter encontrado um probleminha com um produto que comprei da Nutrilatina. Entrei em contato com a empresa, e tive o prazer em  perceber o quanto eles trabalham de forma eficiente e responsabilidade. Apesar de muitos não valorizarem as empresas de suplemento brasileiras e sempre recorrer as estrangeiras, pagando às vezes até mais e contrabandeando. Recorrendo a produtos muitas vezes desconhecidos de sabe lá qual seja a composição dos produtos... Enfim esta é uma postagem que venho agradecer a atenção da Nutrilatina e ao mesmo tempo recomendar aos demais praticantes de atividades físicas. Fiquei muito satisfeita com o serviço prestado pela Nutrilatina.

quinta-feira, julho 21, 2011

ECOHEAD testado e aprovadíssimo!!!!!


Após o Marcus da Proativa ter entrado em contato  perguntando se eu queria testar mais um produto, eís que tão rapidamente chega mais este presentinho, o Ecohead. Vocês devem estar se perguntando mas o que é isso?

Bem o Ecohead é um multiacessório ecologicamente correto feito de garrafa PET.  Uma bandana excelente para evitar o suor, prender o cabelo, além de também servir para proteger do sol, vento e frio enquanto pratica esportes. Tem proteção UV, não desenvolve mau cheiro e não prolifera fungos e bactérias. PERFEITO né gente?? EXCELENTE para que corre na orla, como eu, e quer evitar o sal da praia nos cabelos.

Serve tanto para uso esportivo como também pode ser usado em outros momentos, no dia-a-dia. É um multiacessório! Isso mesmo!! Um acessório versátil. Que por sinal, por ser lindo poderei fazer uso do meu em diversos lugares. Já até estreei!!

Deem uma olhada nas diversas formas de como pode ser usado:

 
deu  até para brincar nas fotos


Adorei a cor...Lindíssima. Testado e aprovado!! Usei a minha para sair mesmo.... 
Mas logo mais vou usar em treinos, excelente para evitar o sal da orla, bom!!

Caso queiram conhecer melhor e adquirir o Ecohead passem neste site http://ecohead.com.br/loja/

domingo, julho 10, 2011

Circuito das Estações Adidas - Salvador Inverno

 Deem-me licença por que agora irei passar... SOU SUB 60'.... na RAÇA!!

A fim de que não acontecesse comigo o mesmo que houve na Fila Night, desta vez cheguei com tudo e retirei o chip logo cedo com muito gosto. Ainda que tivesse gripada e não devesse correr, tirei o chip e até a chegada de Lucas ( namorado ) iria decidir se corria ou não. Antes de sair de casa fiz uma alimentação muito bem equilibrada, aliás comi coisa até demais ( iogurte - não era o mesmo de costume + 1 banana com aveia e mel + metade de um pão + 1 xícara de café ). Neste caso cometi um baita erro, achando que seria bom devido a estar adoentada.

Cheguei bem cedo no Jardim de Alah. No início só encontrei mesmo a Ivone e a galera da J C CORB. Hoje a equipe J C CORB estava comemorando 10 anos de existência e por isso foi programado uma festinha na tenda, por sinal muito boa e com direito a premiação Adidas no feminino 5k (1 lugar). 

 Meu coelho....

Com a chegada de Lucas decidi que iria correr. Comecaria sentindo se nos 2,5km estava bem, da própria gripe ( já que é onde fazemos a curva ) e caso afirmativo seguiria para fazer os 10km para o qual estava inscrita. Como Lucas não estava inscrito nesta corrida, ele fez como treino e por isso me acompanhou. (Lucas esta se sentindo o aposentado das corridas, disse que agora só quer correr 21k para depois ficar de repouso... risos!)

Então simbora a corrida....


Comecei este circuito super bem, muito bem para quem deveria estar descansando pelo menos uns 15 dias de prova ( não de treino ) mas enfim se estava legal segui. Avançando do 2,5km encontramos o Samuca ( do Correr é bom!!!) - ô pessoa que eu gosto -  que nos cumprimentou e nos acompanhou por alguns quilômetros, como eu estava com um pace bom de 5'58'' e estava me sentindo bem, ainda com a companhia dele deu para baixar para 5'56'' no qual segui assim até mais ou menos 4km quando ele nos deixou. De lá foi possível começar a baixar mais meu pace, e desci para até 5'50'' coisa muito boa, para o que eu estava fazendo nas últimas semanas e meses atrás.

Continuei firme e bem... 

Caso não fosse a bendita hora de ter decidido fazer uso do gel, sem necessidade por que o clima estava agradável, até mesmo de gente passando mal não vi.... Então não seria o caso de usar um gel já que nos treinos ás vezes treino sem... 

 Lucas, Lucas, Moses e Ivone

Pois bem, bendita hora abri o sachê... assim que ingeri, parece que não bateu bem com o iogurte, isso aconteceu no 7km, ainda bem que só tomei um pouquinho... nada feito quando desceu, bateu um enjoo que por pouco não decidi parar e desistir da corrida. Podia ser uma dor muscular, qualquer que fosse que não costumo sentir, mas enjoo?? Não.... era aquela vontadezinha, era aquela vontadezona  nem queiram saber, mas não vinha nada só aquela sensação na garganta vem não vem... fui tentando manter, e correndo ( poupo vocês de mais detalhes). Até mesmo na chegada quase desistir com receio de lá na frente baaaá... não é de cair não gente é de ( ) mesmo...

 Alan, Lucas e Elieci (1 lugar JC CORB 5km)

Encontramos o Samuca novamente, ele acompanhou várias pessoas hoje, e faltava só 400m e a bestona aqui ainda enjoada e querendo pular fora da corrida. Samuel disse logo " Se tivesse um cinto aqui, eu te dava uma nas canelas Dart"!!! A gente morreu de rir, e mesmo naquela sensação desconfortável a brincadeira ajudou um pouco a descontrair, e Lucas disse se até mesmo Samuel disse isso, até eu te dou uma chinelada Dart... A brincadeira foi o gás que consegui pegar naquele restinho de corrida, e que me fez conseguir chegar no pórtico, sei não viu.... uma dessa nunca mais... Agora é cuidado com o café da manhã lá de cima Dona Dart.... nada de derivado de leite, por mais que se fale fiz a merda.

Como era festa da minha equipe não pude deixar de passar na tenda, mas claro não pude comer nada, absolutamente nada, nem o isotônico da corrida consegui tomar.... e demorei até almoçar, enjoo desse nunca mais. 

 J C CORB

Mas tem notícia boa, claro que tem de vir no final... NÃO SE AVEXEM NÃO!!!

 (Ralei mas cheguei...)

AGORA SOU SUB 60' nos 10k. Isso mesmo, mesmo com toda esta agonia, consegui chegar abaixo de 1hora e bater meu recorde pessoal. Por pouco não conseguiria, se não fosse ter reduzido lá em cima, poderia ter chegado em mais ou menos estourando 57', mas de todo jeito cheguei e fiz em 59'43'' e mais fui a 7 colocada na minha faixa de 26 mulheres. Agora é rezar para não sair nenhuma foto minha pegando na mão de Samuel e chamando e Lucas...kkkk (risos!!! agora), mas que foi chato foi.
Bom de todo jeito.... sei que logo mais estarei correndo melhor, mas agora acho que descansarei um pouco e ficarei uns dias sem participar de eventos, não parada, treinando. Mas esperar um pouco o corpo relaxar de toda esta trela de eventos atrás do outro...desde a meia que tô participando de eventos, não fiquei um fim de semana sem ir.

Clube das Corridas....


No Circuito Adidas sem dúvida também tive novamente a oportunidade de reencontrar meus amigos, conhecer outros, o melhor da corrida é sem dúvida os amigos de verdade que fazemos e que estes sem dúvida jamais nos irão faltar nestes momentos. E vamos lá que é gente... Equipe J C CORB , o Samuca que deu a força, Lucas (namorado) e Lucas (amigo), Ivone, Lu e Maurício, Reynolds e amigos, Robson ... grande parte do Clube das corridas, enfim sem dúvida foi um ótimo encontro, perdoem os que me encontraram logo após a corrida e não conversei muito. Até as próximas.... deixa eu ver, qual a próxima??? risos!!!

RESULTADO:
( melhor visualização, clique acima)

domingo, julho 03, 2011

XIV Corrida do Fogo 2011 - Mesmo de ressaca... da MEIA

 Mera coincidência ou não? 

É certo dizer que todas às vezes que saí de casa, meio que forçada para correr... algo de bom me aconteceu. Foi assim com alguns pódios que já subi e com outras alegrias que a corrida já me proporcionou.

Coincidência até pode ser, mas acho que o que determina é que todas às vezes que corro tranquila e sem me preocupar com tempo o pódio consequentemente vem...assim já aconteceu por 3 vezes. Mas entendam que minha busca e meu intuito nunca foi buscar podium acho que por não perceber o quanto eu posso e sou capaz. Meu treinador hoje dizia que o que falta em mim é o que fiz na meia, acreditar sempre, sempre que sou capaz e isso busco dia após dia. Pois sei que sou capaz e tenho físico para isso. Mas sou mole de vez em quando, tal fato engraçado que aconteceu hoje. Uma senhora desmaiou e eu que precisei de uma cadeira...risos...mas bola para frente. Um dia serei MULHER MARAVILHA.

Desde ontem eu e Lucas já demonstravámos nos arrependidos de termos feito a inscrição para a Corrida do FOGO, primeiro por que passamos  a semana sem treinar, claro vindos de uma meia maratona tentamos respeitar o corpo...segundo batemos perna o dia todo ontem ( fomos a corrida 2 de Julho, shoppings...), chegamos em casa 23h  e queríamos era dormir até tarde.

Lucas me faz logo a chantagem de que se chover não corre, daí tenho de rezar para não chover. Que reza, não é que hoje o dia amanheceu chovendo... 5:30 da manhã ele me liga, a cama tava que tava uma delícia, eu quase recusando a me mover e sair dela tão quentinha. Mas enfim mesmo chovendo levantamos e por sorte após estar pronta a chuva já havia parado e o dia estava lindo... sol.


Samuel,  Lucas, Lucas, eu, Cris e Oliveira
 O melhor presente da corrida, rever meus amigos corredores

Cheguei cedo no Corpo de Bombeiros. Para quem não conhece o percurso da Corrida do Fogo, ela saí da frente da sede do Comando do Corpo de Bombeiros sentido Av. ACM,  pegamos um LADEIRÃO do Molambo, Cruz da Redenção ... Av. Bonocô, Av. ACM, e a chegada dentro da Sede do Comando do Corpo de Bombeiro. Mais ou menos 6,4km, no site da federação dizia aproximadamente 6,5km.

Na minha concepção trata-se de uma das corridas mais difíceis de Salvador, por conta desta ladeira de mais de 800m e devido ao ganho de elevação que ser de 62 m. 


Mas enfim em compensação não temi esta corrida, fui na manha na minha... Tranquila. Apenas assistindo o sucesso dos bombeiros, afinal esta é um evento especial para eles. Ainda quando estavámos no Rio de Janeiro, os bombeiros faziam uma passeata e fecharam algumas ruas, pedindo pela anistia, chegamos até assinar o termo. Agora em Salvador temos a festa dos bombeiros como atletas.
 
Este bombeiro correu com 12 quilos nas costas e um machado pesado...equipamento essencial do corpo dos bombeiros

Um corrida boa, preço justo e tradicional no calendário da FBA. Valeu ter corrido e melhor ainda por que... por que... tcham tcham tcham... Peguei pódio!! 1 lugar da Faixa etária. Confesso que quando comecei a correr, minha meta momentânea era só baixar o tempo que havia feito ano passado, quando esta era minha terceira corrida e simplesmente nunca tinha feito uma de mais de 5km.

Consegui bater meu recorde frente a Corrida do Fogo do ano passado, de 00:41:05 e 4 colocada da faixa  desta vez este ano, pelo meu frequencimetro, fiz em 00:39:24, sei que poderia ter feito melhor mas para quem esta de ressaca da meia esta ótimo. E fiquei em 1 lugar na faixa... sai assim:


Até o bombeiro sorriu (na foto abaixo):




Pódio mais feliz....de uma corredora amadora!!